Abacate

Esta Árvore elegante de frutos oleosos e extremamente nutritivos, o seu sabor a avelã faz com que fique lindamente em saladas, sopas, mousses, batidos.


O abacate (Persea americana) é uma árvore perene com copa grande. As variedades anãs podem atingir o máximo de 5m.


São três variedades de abacate Antilhana, Guatemalteca e Mexicana, sendo esta mais resistente ao frio, floresce precocemente tem frutos pequenos com sementes grandes e pouca polpa. As Guatemalteca têm frutos maiores e as de Antilhana são mais sensíveis ao frio e os frutos amadurecem no Verão. Em Portugal o consumo tem sido bastante elevado sem grande preferência pelas variedades que se apresentam disponíveis na grande distribuição. No nosso país existem produções significativas já com dimensão nomeadamente no Alentejo e Algarve. Grande parte é para exportação o que obriga os consumidores a comprarem abacates provenientes de outras paragens. É importante consumir preferencialmente o que é feito em proximidade. Esta árvore prefere solos bem drenados e tem necessidades hídricas algo significativas.


Quer ter a sua árvore no jardim ou horta?


Quando comprar em vaso seleccione uma variedade que seja mais adequada ao clima da sua zona e não adquira plantas demasiado grandes em relação ao vaso vão ter mais dificuldade em enraizar. O sol direto é fundamental se possível 6 horas por dia. O solo bem drenado que seja rico e profundo para receber o torrão. A drenagem escassa provoca podridão radicular. Caso o clima seja demasiado frio aconselhamos que plante o abacate (no interior) em estufa , nesse caso seleccione variedades anãs.


Plantação e manutenção

Depois de comprar a sua árvore tal como indicamos é altura de plantar para isso basta escavar um buraco com duas vezes a largura do torrão de terra e ligeiramente mais fundo, junte o adubo à terra que extraiu. No fundo do buraco forme um cone de terra para que a base da árvore fique elevada em relação ao terreno. Incline o vaso e extraia a planta. Se tiver dificuldade é preferível cortar o vaso, de seguida desembarace as raízes. Coloque a árvore no buraco e compacte com as mãos de forma a eliminar as bolsas de ar, regue bem para estabilizar o solo fazendo com que a terra absorva a água lentamente. As árvores jovens precisam de muita água aos contrário das plantas já enraizadas que necessitam de um solo superficialmente seco.


Estação a Estação

No Inverno é altura de podar – Elimine os ramos secos e pode os outros ramos para manter a dimensão desejada. As árvores suportam podas drásticas se depois se tratar o tronco com cal para prevenir a queimadura solar

Na Primavera Cobertura com matéria vegetal. Distribua folhas secas até 30 cm da base do tronco para manter o solo húmido.


No Verão É altura de fertilizar. Recomendamos em baixo o *Adubo Granulado da Siro ideal para este efeito. A distribuir o adubo enriquecido com azoto por baixo de toda a copa. Deve ser um fertilizante de duração lenta para intervir apenas uma vez por estação.



Produto recomendado


*SIRO AGRO 4 “GRANULADO”

Tipo de Produto: Adubo Orgânico Embalagem: Saco 25 kg Vocacionado para fertilizações de fundo ou de cobertura Hortícolas, Pomares, Florestais, Vinha, Ornamentais e Jardinagem


Vantagens do produto

Produto natural; Elevado teor de Matéria Orgânica estabilizada; Valor fertilizante e biologicamente ativo; Elevado teor de macronutrientes e oligoelementos naturais que proporcionam uma nutrição equilibrada, prolongada e gradual ao longo do desenvolvimento das culturas. Proporciona um aumento da produção das culturas; Elevado padrão de qualidade; Isento de infestantes e patogénicos


Informações

Siro Agro 4 é um ADUBO ORGÂNICO NPK 4-3-3 peletizado (Ø 6mm) com elevado padrão de qualidade. Eficaz e rentável para adubações de fundo e cobertura. A sua gama de macro e micronutrientes estáveis proporciona uma nutrição prolongada e gradual ao longo do desenvolvimento das plantas. É um produto natural sem adição de químicos. Composição: 70% de estrume maturado de aves e 30% de Húmus de biomassa florestal.

Características físicas/químicas Azoto total (N) – 3.9 % Azoto orgânico – 3.6% Fósforo total (P2O5) – 3.3 % Potássio total (K2O) – 3.3 % Cálcio total (CaO) – 3.4 % Razão Carbono /Azoto – 9 Humidade – 9 % Matéria orgânica – 60 % pH 6.0-7.5 Condutividade elétrica – 10.4 mS/cm Massa volúmica aparente – 0.5 kg/dm3

Culturas e doses aconselhadas Doses indicativas. Dependem do estado do solo, da cultura e do estado fenológico da planta.

Modo de aplicação Espalhar uniformemente no terreno, nas linhas de cultura ou caldeiras em redor das árvores e incorporar superficialmente com o solo.

Rega A sua apresentação em pellet facilita a sua distribuição uniforme, manualmente ou com distribuidores automáticos.



Doenças

Embora seja uma árvore bastante resistente a mosca branca pode infestar com as suas larvas as folhas do abacate. Os predadores naturais podem ajudar a combater.


Dá frutos no Verão, Outono e Inverno, cerca de 50 a 100 kg por planta.

Os frutos colhem-se quando muda a cor da casca e a polpa está suave mas firme. Devem ser apanhados com a ajuda duma tesoura.

Para acelerar a maturação dos frutos coloque-os num saco de papel com uma maça ou uma banana maduras.

Fácil de cultivar, está sempre verde e pede sol direto.

Pode atingir entre os 6 a 18m de altura e a largura entre os 7,5 m e os 10 m.


Em Portugal o consumo tem sido bastante elevado sem grande preferência pelas variedades que se apresentam disponíveis na grande distribuição.

No nosso país existem produções significativas já com dimensão nomeadamente no Alentejo e Algarve.

Grande parte é para exportação o que obriga os consumidores a comprarem abacates provenientes de outras paragens. É importante consumir preferencialmente o que é feito em proximidade.

Esta árvore prefere solos bem drenados e tem necessidades hídricas algo significativas. Atualmente é uma das frutas mais consumidas a nível mundial. O abacate pode ser usado tanto em receitas doces como salgadas. Com propriedades medicinais importantes é rico em fitonutrientes que ajudam o organismo na prevenção de doenças cardiovasculares e, até mesmo, alguns tipos de câncer. Tal como noutros culturas o ideal é serem de produções biológicas em que produtos químicos não estejam presente.


Informações importantes

Os fitonutrientes presentes no abacate descobertos em pesquisas científicas, são o betassitosterol e a glutatoína. O betassitosterol auxilia na redução dos níveis de colesterol, enquanto a glutatoína age como um antioxidante em defesa do organismo.

Os antioxidantes ajudam o corpo a neutralizar a ação dos radicais livres, os quais têm sido apontados como um dos fatores responsáveis pelo desenvolvimento de doenças cardiovasculares e do cancro. O abacate é uma das melhores fontes de glutatoína e pode oferecer certa proteção contra o cancro oral, de garganta e outros tipos.

Os abacates, assim como outras frutas e vegetais, contém vitaminas A e do complexo B e sais minerais como ferro, cálcio e o fósforo. Eles são ricos em vitaminas E e C, potentes antioxidantes e também protegem os tecidos do corpo de danos oxidativos. Além disso, a presença de vitamina do complexo B no abacate promove o desenvolvimento saudável das células e dos tecidos.




portaldojardim.com

57 visualizações

© 2020 Cooagrical 

CONTACTOS

Sede:    

Rua da Palmeira, nº9

Cruz Armada -Imaginário

2500 - 292 Caldas da Rainha

Tel: 262 830 250

 

Loja:

Rua do Sacramento, nº 12

2500-182 Caldas da Rainha

Tel: 262 842 145

Email:

geral.cooagrical@gmail.com

  • Facebook Social Icon
  • Instagram
SIGA-NOS EM