top of page

Conheça alguns truques para as suas galinhas produzirem mais ovos


Algumas dicas para a sua Galinha pôr mais ovos

Se tem galinhas poedeiras existem algumas informações que deve ter em conta na hora de as alimentar. A alimentação das galinhas poedeiras é fundamental para garantir que estas produzem ovos de qualidade e de forma regular.


Alimentação das galinhas poedeiras: por onde começar?

É importante que tenha noção a partir de que “idade” as galinhas começam a postura dos ovos.

Normalmente, as galinhas poedeiras tornam-se maduras e prontas a produzir ovos regularmente, com 18 a 24 semanas de “idade”, dependendo da raça. Deve ter em atenção o tipo de alimentação e nutrientes que lhes vai fornecer para garantir que elas produzem ovos dentro dos padrões de normalidade.


1. A adição de cálcio à alimentação das suas galinhas


Depois de cerca de 20 semanas de vida das galinhas, pode ser importante aumentar o consumo de cálcio pelas mesmas, ação necessária para providenciar os nutrientes essenciais para a produção de ovos saudáveis.

A adição de cascas de ostra à alimentação das galinhas é uma solução muito utilizada para fornecer-lhes o cálcio de que precisam.

O cálcio pode também ser fornecido através da suplementação/ ração apropriada para este tipo de situações. Na lojas de agropecuária, encontra Cascas de Ostras e os Suplementos necessários para as suas galinhas.


2. Deixe as suas galinhas andarem ao ar livre, sempre que possível!


As galinhas que são criadas ao ar livre, têm mais liberdade de movimento e conseguem naturalmente complementar a sua alimentação através do que vão encontrando no solo: insetos, sementes, grãos, bagas, entre outros.

Os ovos produzidos por galinhas que vivem neste tipo de condições são chamados muitas vezes de “ovos caseiros” ou “ovos do campo”, que são muito mais saborosos e saudáveis (na minha opinião). Por outro lado, é inegável que as galinhas são muito mais felizes quando são criadas num “ambiente mais extensivo” do que quando são criadas em ambientes confinados.

Se decidir ter as galinhas ao ar livre, é importante decidir se estarão soltas sem limites ou se haverá um perímetro limitado. Nos dois casos as galinhas à noite recolhem naturalmente. Torna-se importante ter uma vedação no perímetro do galinheiro. Poderá utilizar a rede como solução ou para um galinheiro mais harmonioso é possível optar-se por vedações de madeira, que poderá facilmente comprar ou construir. É aconselhável verificar se o galinheiro obtém sombra nas horas mais quentes do dia, mantendo também alguma exposição solar, pois a luz é um dos principias fatores para a postura do ovo;


3. Disponibilize a quantidade adequada de proteína que elas precisam


Embora a proteína seja importante para a galinha poedeira, deve garantir que esta não seja oferecida em quantidades excessivas. Uma boa forma de aumentar o consumo de proteína pelas galinhas poedeiras pode ser através da sua criação num regime “mais extensivo” para que possam ter a possibilidade de comerem mais minhocas.

Por outro lado, outra forma válida para fornecer proteína às galinhas é através da disponibilização de ração formulada especificamente para poedeiras. Em lojas da especialidade, existem várias opções de rações para poedeiras que contêm os nutrientes necessários para a produção de ovos saudáveis.

Os alimentos para aves de capoeira garantem uma alimentação saudável e equilibrada às suas galinhas, com tudo o que precisam para crescerem fortes e saudáveis, garantindo também ovos saudáveis e de qualidade. Normalmente, as galinhas poedeiras consomem em média cerca de 100 gramas de ração por dia. Aconselho a escolher uma altura do dia (de preferência logo pela manhã) para oferecer todo o alimento necessário que as suas galinhas necessitam para produzirem os ovos. Não se esqueça de ir verificando ao longo do dia se as galinhas têm alimento suficiente, caso contrário, a produtividade dos seus ovos pode ser comprometida.


4. Evite oferecer restos de comida às suas galinhas poedeiras