OS GATOS E OS ESCONDERIJOS

Certamente que a maior parte de nós já terá encontrado os nossos gatos enfiados nos lugares mais inesperados da casa. Alguns destes sítios são mais “normais”, como os armários, as malas ou as caixas, mas, em outras ocasiões, os gatos podem esconder-se em locais muito mais estranhos, tais como os cestos da roupa suja, debaixo do sofá ou até mesmo dentro da máquina de lavar roupa.

Por mais incríveis ou pequenos que estes esconderijos pareçam, podem ser perfeitos para os nossos gatos.



Porque é que os gatos fazem isto?


Há várias razões pelas quais os gatos podem ter este comportamento tão divertido, mas às vezes tão inconveniente.

Uma delas é simplesmente a curiosidade. Como sabemos, os gatos são animais extremamente curiosos e precisam de explorar o ambiente à sua volta para se sentirem bem. Depois de encontrarem estes sítios, se gostarem dos mesmos, podem passar bastante tempo ali escondidos.


Por outro lado, como bons animais “solitários” que são, os gatos preferem permanecer “isolados do mundo”, pelo menos em determinados momentos e dependendo das situações. Nestes sítios, os gatos conseguem passar despercebidos para que, tanto os outros gatos como nós, os donos, os possamos deixar “à vontade”.

Em último lugar, os gatos tendem a ser inseguros ou medrosos, o que significa que, caso se assustem, podem procurar estes esconderijos para se sentirem a salvo de algum animal que os ameace, cause stress ou simplesmente os incomode. Também podem recorrer a estes esconderijos quando existir algum ruído (do aspirador, por exemplo) que os assuste.


Estes são os três motivos principais pelos quais os gatos se escondem, embora também o possam fazer quando brincam ou para descansarem um pouco.


Devemos deixá-los esconderem-se nestes sítios?


Definitivamente, sim.


Como acabámos de verificar, os gatos usam estes esconderijos para poderem expressar comportamentos normais da sua espécie e, por outro lado, evitar alguns estímulos (animais, pessoas, sons, etc.) que os incomodem ou assustem. Portanto, é fundamental deixá-los ter este comportamento.


No entanto, é verdade que nem todos os sítios que o gato escolhe são aceitáveis para nós ou adequados para ele. Por exemplo, quando o gato se mete dentro de um armário, pode encher a roupa de pelos ou estragar alguma peça delicada com as unhas. Outros sítios, como a máquina de lavar a roupa ou as malas, podem ser perigosos para o nosso companheiro, por razões óbvias. Infelizmente, alguns gatos terão perdido a vida após o dono ligar a máquina de lavar roupa, sem se aperceber que o animal estava dentro desta. Do mesmo modo, alguns gatos já terão sofrido viagens inesperadas por se enfiarem em malas sem o conhecimento dos donos.


Portanto, se o gato escolher algum destes sítios, como o seu favorito para “desaparecer”, devemos fornecer alternativas que sejam agradáveis para ele e que tenham características semelhantes para que as possa utilizar sem problemas. Contudo, nunca o devemos impedir de se esconder. Isso só irá aumentar o seu nível de stress e ansiedade.


Uma alternativa aceitável pode ser deixar uma prateleira do armário vazia, com uma manta que tenha o cheiro do animal. Para além disso, o uso de caixas de cartão, uma opção móvel e cómoda, num lugar “íntimo” e seguro para o gato, pode cumprir a função que o gato necessita.


Por último, lembre-se sempre de olhar cuidadosamente para todos os sítios onde o gato se pode esconder, para saber onde este se encontra, evitando assim algum percalço resultante de um descuido que pode lamentar seriamente.




https://www.royalcanin.pt

6 visualizações

© 2020 Cooagrical 

CONTACTOS

Sede:    

Rua da Palmeira, nº9

Cruz Armada -Imaginário

2500 - 292 Caldas da Rainha

Tel: 262 830 250

 

Loja:

Rua do Sacramento, nº 12

2500-182 Caldas da Rainha

Tel: 262 842 145

Email:

geral.cooagrical@gmail.com

  • Facebook Social Icon
  • Instagram
SIGA-NOS EM